Miniprodução Imprimir e-mail

A miniprodução consiste na produção descentralizada de energia eléctrica para venda à rede, através de instalações baseadas em energias renováveis (solar, hídrica, eólica, biomassa, etc.), com potências até 250 kW.

 

O regime da miniprodução foi publicado através do Decreto-Lei 34/2011 de 8 de Março. Poderá consultar em baixo o Decreto-Lei em questão, e a brochura de apresentação elaborada pela ISKANDAR sobre o regime da miniprodução.

 

CONSULTAR DECRETO-LEI 34/2011 - PDF

 

CONSULTAR BROCHURA RESUMO REGIME MINIPRODUÇÃO - PDF

 

A miniprodução é na prática um investimento não financeiro de longo prazo, em que o produtor adquire um sistema de miniprodução (fotovoltaico ou outro) e vende a totalidade da energia eléctrica por ele produzida a uma tarifa bonificada, retirando daí um retorno que poderá chegar aos 15% (dependendo da forma de financiamento do sistema) num horizonte temporal de 25 anos.

 

Esta rentabilidade é bastante atractiva quando comparada com a de outras alternativas de investimento com prazo e risco semelhantes.

 

A ISKANDAR presta o serviço “chave na mão” de instalação de unidades fotovoltaicas de miniprodução, tendo elaborado estudos preliminares de viabilidade económica para instalações de 10 kW, 20 kW, 50 kW, 100 kW e 250 kW, que poderá consultar no folheto em baixo.

 

CONSULTAR FOLHETO ESTUDOS VIABILIDADE MINIPRODUÇÃO

 

Para mais informações ou para a realização de um estudo de viabilidade para a sua empresa, por favor contacte a ISKANDAR.

 
  • Português
  • English